Vamos dar um tempo

Esta noite rezarei a Deus e pedirei que ele me dê tempo. Intervalos vazios de existência para preencher com coisas deliciosamente fúteis...


Comentários

  1. ... de arrepiar!
    Ô minha amiga. Vá! Vá mais aos barrancos do que aos trancos.
    Descanse, medite, respire, inspire, PIRE!
    Beijo nos meus três pequenos e amados. Fala prá eles que o Max sente muita saudade.
    Abraço apertado.
    Paulinha.

    ResponderExcluir
  2. PAREI DE ME COBRAR. ENTREI EM TRANSE. LINDO, COMO SEMPRE SÃO SEUS TEXTOS.

    ResponderExcluir
  3. Dani Smith1/7/10 14:36

    o que seria da vida sem esses momentos de profunda delicadeza e encontro consigo mesma e com o que amamos? Adorei o texto! E retribuo com uma frase da diva Clarice Lispector: "Eu vou lhe dar de presente uma coisa. É assim: borboleta é pétala que voa". Um beijo, Nanna!!!!

    ResponderExcluir
  4. Adorei o texto. Está lindo. E verdadeiro. Vem da alma, eu pude ver.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não tem conta Google? Assine, clique em ANÔNIMO e em PUBLICAR. É fácil! Bjooo.

Postagens mais visitadas deste blog

Amar não basta

Para o meu fantasma

Estranha Paz