Canjiquinha

Mania que trouxe de Minas é este prazer de ter a casa cheia de gente. A cozinha, coração quente da casa, lotada de amigos...


Comentários

  1. Ótimo !!! Sei bem o que é isso e amamos também !!! E uma canjiquinha vai muuuuito bem !!! Bjo, boa semana !

    ResponderExcluir
  2. E mais a pinga de Januária e seus poderes, amém.
    Boa fotografia essa sua.

    ResponderExcluir
  3. ...ah desta vez eu não tomei pinga... fica próxima, breve. Agradecida!

    ResponderExcluir
  4. má foi bão dimais da conta sô!
    gradicida!
    bêj

    ResponderExcluir
  5. Minas é uma imensidão. cabem tantas coisas aqui que nem dá pra contar. São tantos causos e acausos. Que delícia de vida né? Melhor ainda se tiver o violão do Hebinho e as piadas do tio Marquinho. ADOREI!!! Bjo.

    ResponderExcluir
  6. Chico Neto24/5/11 02:41

    Disse um poeta mineiro, sei o nome mais não... "era dia comum e virou festa. A gente coloca para dentro as cores do mundo afora e tudo se transforma"... esses momentos server de alimento para a alma tão necessitada de presenças perfeitas e inteiras. Eita trem bão, sô.

    ResponderExcluir
  7. AI QUE DELÍCIA ! E O FOGÃO À LENHA FUNCIONA QUENTE DENTRO DA GENTE ! MOVIDO ÀS AMIZADES !
    BJO,HELGA !

    ResponderExcluir
  8. nossa, estou ficando assustada com as nossas afinidades!!!! mas o meu desejo de casa cheia é pra responder à minha mãe que é antisocial e nunca nos deixou receber (rs), que a vida é muito mais bela na companhia e não se fica mais pobre por investir nos amigos!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não tem conta Google? Assine, clique em ANÔNIMO e em PUBLICAR. É fácil! Bjooo.

Postagens mais visitadas deste blog

Amar não basta

Para o meu fantasma

Estranha Paz