Mulher Moletom Versus Afrodite

Mais um round e novamente Mulher Moletom põe a nocaute minha Afrodite...


Comentários

  1. Você vai ao encontro da Confraria com esse figurino???
    Ah, não vai não!
    Beijo!

    ResponderExcluir
  2. Será que algum dia a afrodite volta?
    Socooorroo!
    Bjs Maria Eugenia

    ResponderExcluir
  3. Nossa acho que a Mulher Moletom tem uma irmã gemea univitelinica ( aqueles que são identicos ) aqui em casa !! hahahaha
    bjs

    ResponderExcluir
  4. Nucha querida, você é uma escritora maravilhosa!!!!
    Bjs te amo, tia Maria

    ResponderExcluir
  5. Esqueci de dizer que me orgulho muito de você, no bom sentido é claro. Que Deus te abençoe e te proteja sempre. Te amo de novo. Tia Maria

    ResponderExcluir
  6. Parabéns! Você tem muito talento , seu texto é muito legal. Vi comentário da tia Maria, que saudades dela. Bjs. Dudu Pintado

    ResponderExcluir
  7. hahahaha! não consigo parar de rir! vc escreve muito bem, o ritmo do texto é o ritmo da tal mulher moleton! parabéns, vc é uma mulher repleta de feminino transbordando por todos os lados, a afrodite de moleton!Inteligente e espirituosa!

    ResponderExcluir
  8. Li de novo...

    As mulheres não deviam trabalhar...

    Agora a casa está vazia, não há ninguém que a deixe limpa e florida, cheirando a comida fresca; ninguém penteando os cabelos em frente ao espelho, cantarolando, leve e linda, alienada da falta de amor que reina no mundo dos homens. Ninguém capaz de acolher o outro, capaz de colocar o outro em seu regaço macio e perfumado e acariciar seus cabelos com doçura enquanto afirma convicta e contagiante, como um adulto a sua criança: "não chore amor, não foi nada... ei... pxipxipxi... eu te amo... ei, ei... calma... vai dar tudo certo!"...

    Agora somos todos homens solitários!

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não tem conta Google? Assine, clique em ANÔNIMO e em PUBLICAR. É fácil! Bjooo.

Postagens mais visitadas deste blog

Ilusão

A flor e o Susto

Gritando na Porta