Fio Branco

A idade é uma coisa estranha. Quando tinha sete, era preciso viver milhares de anos para que eu ganhasse mais um...


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Amar não basta

Para o meu fantasma

Estranha Paz